fbpx

O teletrabalho e o setor da panificação

Negócio
MAY272020

O teletrabalho foi uma das primeiras medidas que foi posta em prática em Portugal quando foi decretado o estado de emergência. Uma medida implementada para que muitos trabalhadores pudessem continuar as suas tarefas de trabalho a partir das suas casas. Entretanto, esta medida não é aplicável a muitos empregos, como padeiros e pasteleiros.

Novas medidas sanitárias

Com esta crise, os governos foram forçados a obrigar-nos a tomar medidas de saúde em todos os empregos. Estas medidas são muito importantes para todos, mas especialmente para aqueles que trabalham em frente ao público, como padeiros e pasteleiros.

Atualmente são obrigados a trabalhar com uma máscara e luvas para cumprir as medidas de precaução exigidas pelo governo para todos os cidadãos, mas especialmente para as pessoas que, para além de manipularem os alimentos, estão a servir ao público.

As instalações têm agora uma capacidade de receber clientes reduzida até nova ordem ou até a mudança de fase, com algumas condições. Muitas instalações tiveram também de colocar protecções a fim de manter a distância de segurança recomendada pelas autoridades. Tal distância entre o trabalhador e o cliente serve para proteger a saúde de ambos.

Todas estas medidas são úteis para o trabalho realizado no próprio estabelecimento, onde todos os processos de produção de padaria e pastelaria são efectivamente realizados, mas para reduzir o tempo gasto no interior do estabelecimento é aconselhável recorrer ao teletrabalho, sempre que possível.

Muitas pessoas decidiram desempenhar as tarefas administrativas da sua empresa a partir de casa. Colocar encomendas, verificar contas, tratar de e-mails e chamadas.. todas estas actividades podem ser feitas a partir de casa e reduzir o tempo que os trabalhadores ou proprietários passam nas instalações.

Embora nem todo o trabalho dos padeiros e pasteleiros possa ser transferido para casa, muitos têm feito um esforço para transferir estas pequenas actividades para as suas casas, a fim de fazerem a sua parte numa situação que tem afectado o trabalho de milhares de pessoas, em maior ou menor grau.

 A sua empresa pode superar esta situação

Tomar todas estas medidas pode custar muito, mas há sempre uma saída. Muitas pessoas recorreram aos supermercados e distribuidores de produtos de padarias para encontrar ingredientes e fazer os seus próprios pães a partir de casa, enquanto muitas padarias e cafés permaneceram fechadas. Porém, aos poucos regressamos ao normal e muitas empresas estão a abrir novamente as suas portas. Os consumidores querem regressar aos produtos tradicionais da sua padaria ou pastelaria favorita.

É precisamente este desejo de regressar aos seus velhos hábitos que fazem com que os consumidores estejam ansiosos por retornar a suas rotinas diárias favoritas e experimentar novas opções que os surpreenderão. As empresas têm agora a oportunidade de se reconectarem com os seus clientes, oferecendo-lhes novamente produtos de qualidade e reinventando-se com novas receitas que marcam um antes e um depois.

Está na hora de garantir ao seu negócio um bom distribuidor de matérias-primas para padaria e pastelaria, onde pode comprar produtos de qualidade como ingredientes e levedura. Isto ajudará a sua empresa a crescer, a contar com produtos de qualidade e variedade que farão a diferença entre seu negócio e a concorrência e o a gerar lucros para fazer face às grandes despesas que esta crise está a causar nas pequenas empresas. 

Este tem sido o resumo das principais soluções que da AB Mauri podemos analisar, mas se quiser obter mais informações sobre este tema, convidamo-lo a visitar outros artigos no nosso blog como Soluções para enfrentar a crise da COVID-19.

 

Na AB Mauri continuaremos a estar aqui para si!

Compartir